CLUBE PARANAENSE DE CICLISMO DE MONTANHA

X VOLTA A SANTA CATARINA EM MTB 2008 (IMAGENS)



As imagens comentadas da 10ª edição
Prova teve quatro etapas e 224 km

Fotos: Eduardo Schaucoski

Ricardo Pscheidt (direita) confere a retaguarda na primeira etapa,
disputada entre Joinville e Campo Alegre, com 72 km. Marcelo Moser (na frente)
e Pscheidt se descolaram dopelotão faltando 25 km para a chegada.
O comissário Alexandre Schneider troca rapidamente o pneu durante a
sinalização, feita com uma hora de antecedência da passagem dos atletas.
Um dos três pontos de abastecimento oficial no primeiro dia de competições
Pelotão dos líderes passa por ciclista em Garuva,
a 30 km de Joinville, na segunda etapa.
Nas montanhas do primeiro dia, os competidores largaram
a 5m sobre o nível do mar e passaram pelo ponto mais alto
da Volta, a 1.083 metros de altitude.
Raquel França terminou como vice-campeã na Elite feminina
Trecho neutralizado antes da largada oficial no perímetro urbano de Garuva,
no segundo dia de prova, que teve a etapa mais longa, com 93 km.
Na metade da segunda etapa, atletas passam pela Baía da Babitonga,
na Vila da Glória, no litoral norte catarinense.
Um dos poucos trechos de subida na segunda etapa
A sinalização perfeita sempre foi um dos pontos de destaque
das dez edições da Volta a Santa Catarina em MTB
Marcelo Moser (3) puxa o pelotão no trecho neutralizado
em Garuva, com o uruguaio Ramiro Cabrera (190) ao seu lado
Luiz Henrique Visentainer passa por trecho gramado
em propriedade rural na quarta etapa.
Claudiomi Dias (esquerda) e Frank Sinatra, companheiros de equipe
na Eurobikes-Parentex, cruzam juntos a meta em Garuva.
No aniversário do presidente da FCC, João Carlos Andrade, o árbitro
argentino Leandro Carpinelli (esquerda), entrega os presentes.
Frank Sinatra Deluvino, campeão da Sub-30, passa na enlameada
e pesada trilha no arrozal no último dia.
O catarinense Flávio Reblin assumiu a camisa de líder da Sub-23
na crono individual da terceira etapa.
Ricardo Ranthum supera trecho
de subida na trilha da útima etapa
O paranaense Flávio Dal Seco terminou
em terceiro na geral da Elite
O joinvillense Marcelo Borges feliz com a quinta colocação na Master.
O paranaense Tarcísio Bilinski terminou a
última etapa sem o pneu traseiro, só no aro

3 COMENTÁRIOS:

  1. Anônimo6:02 AM

    Hill,
    Coisa de primeira a cobertura.
    Os crèditos devem ser sempre garantidos.
    Parabens pelo empenho.
    Aqui na Italia, a \biticleta\ faz parte da historia. Tenho tantas fotos que dà para fazermos um especial no blog...
    Agora, se eu te contar que estivemos na loga do cara e o Sr. GIOVANNI \NANNI\ ficou absolutamente encantado com a Sabrina... rapaz, o campeao do gyro de 51, com todo o charme italiano, quase levou minha mulher.... tenho ate tudo gravado!!!!
    m.doc

    ResponderExcluir
  2. Parabéns. Belas fotos. Dá gosto passar por aqui e ver os resultados das provas.

    Renato

    ResponderExcluir

VISITANTES ONLINE

site statistics

TOTAL DE VISITAS