CLUBE PARANAENSE DE CICLISMO DE MONTANHA

CAMPEONATO BRASILEIRO DE MTB XCO 2009



No domingo de 19 de julho foi realizado o Campeonato Brasileiro de Mountain Bike – XCO 2009 em Rezende, Rio de Janeiro.

A prova foi eletrizante. Muita troca de posição até a última volta, quando Edivando e Érika – em suas categorias – escaparam rumo ao título.

As maiores surpresas da edição 2009 do Campeonato Brasileiro de Mountain Bike de Cross Country estiveram justamente na categoria principal, a elite masculina. Quando todos apostavam suas fichas em Rubens Donizete, o maior vencedor das provas de MTB no país nos últimos três anos, ou Robson Ferreira, piloto da região de Rezende que vem em ascensão, as surpresas vieram de Edivando de Souza Cruz e de Tiago Aroeira.


Largada Elite Masculina


Edivando Souza Cruz ao receber a bandeirada de Campeão Brasileiro de MTB XCO


Edivando Souza Cruz

Os dois pilotos foram a sensação da prova. Tiago Aroeira, a grande surpresa do dia, chegou a liderar e era o nome na boca de todos ao final da corrida, Edivando, aniversariante do dia deu a si seu maior presente, bem preparado, deixou para atacar nas últimas duas voltas e conseguiu abrir de Tiago e Rubinho para voltar a ganhar um Campeonato Brasileiro de MTB XC alguns anos depois da ultima vez.

Robson, apesar do início forte, não conseguiu acompanhar os três primeiros, o campeão de 2008 Ricardo Pscheidt com problemas no freio e fortes dores nas costas correu sozinho para chegar em quinto lugar. Odair Pereira não conseguiu alcançar o primeiro grupo de ciclistas apesar do esforço e acabou em sexto lugar, seguido por outro nome pouco conhecido do meio biker no sul/sudeste do país, o ciclista de Brasília Rosemberg Nunes que pedalou forte para aparecer na sétima posição, a frente de Uirá de Castro em oitavo, do veterano Abraão de Azevedo e de Geraldo Rodrigues em décimo lugar

Na elite feminina, as poucas bikers participantes deste ano viram duas ou três voltas de disputa entre Roberta Stopa e Érika Gramiscelli até que esta abriu o suficiente para pedalar tranqüila até conquistar mais um título nacional; Julyana Machado finalizou em terceiro lugar.


Érika Gramiscelli - Campeã Brasileira de Mountain Bike XCO

O evento

Este campeonato brasileiro foi organizado pela nova diretoria da Federação de Ciclismo do Estado do Rio de Janeiro – a FECIERJ. O grande elogio foi para a pista, realmente uma excelente escolha de local e uma pista muito bem montada, extremamente técnica, que obrigava a força física se aliar a muita técnica para dar algum resultado positivo para os melhores ciclistas.

Houve sim uma série de contratempos. A organização sofreu um golpe duro na questão da hospedagem, quando a Academia Militar – AMAN – deu para trás e retirou a sua oferta inicial de alojamento, deixando muita gente tendo que correr na última hora para arrumar um lugar para dormir, isto deixou uma impressão ruim. No aspecto de preparação prévia ao evento podemos apontar que a divulgação não foi das melhores, o campeonato não foi muito divulgado até a véspera e é lamentável ter sido marcado mais uma vez na mesma data de uma etapa já previamente marcada do Big Biker – os organizadores do Campeonato Brasileiro relataram em Rezende que pediram aos organizadores do Big Biker, que todos conhecem, para que mudassem a data e não foram atendidos, mas cabe a pergunta: quem marcou a sua prova nesta data em primeiro lugar? Parece que foram os organizadores do Big Biker, mas não temos a confirmação disto.

A organização da prova foi boa no geral, mas os detalhes finais ficaram a dever, o que nos obriga a afirmar com certeza que a organização foi inferior a prova organizada em São Bento do Sul em 2008; além do trato pessoal educacional, um item importante a ser lembrado a todos os organizadores, esporte deve ser praticado com alegria e respeito e bom humor no trato pessoal, certo stress nervoso de vários organizadores de provas tem afastado muitos amantes do MTB de algumas provas.

As Categorias por idade

No sábado houve a Copa Brasil de Amadores e os treinos para domingo, além do Congresso Técnico a noite, o qual foi um tanto conturbado, já que muitas dúvidas levantadas e questionamentos ficaram no ar. No domingo as largadas iniciais foram adiadas para as 9hs, em virtude da neblina matinal muito baixa.

Foram 3 grandes blocos de largada com número variável de voltas. Dezenas de bikers largando no asfalto com pequenas diferenças de tempo, mas como a largada era em uma rua larga de asfalto não houve o famigerado problema do funil pós-largada, problema de trânsito que só ocorreu em alguns pontos do circuito durante as provas.

Algumas vitórias de favoritos já esperadas foram confirmadas, como as de Henrique Avancini na Sub23 – grande biker nacional que a partir desde ano está iniciando uma fase internacional em sua carreira, e a vitória de Amarildo Ferreira, piloto renomado e patrocinado por uma das empresas apoiadoras do evento, a Amazonas, na Máster 30-34.

Luis Lote na categoria 40-44 também pedalou bem e forte para a vitória, mas vale o destaque para o Bi-Campeonato seguido da jovem promessa do MTB nacional, o piloto do
Lar Nossa Senhora Aparecida Luiz Henrique Cocuzzi, da categoria Juvenil. Para não nos estendermos demais encerraremos este texto realçando a vitória graúda do veterano Sr. Valdemar Pedro na categoria veteranos, a grande prova de que ciclismo não tem idade.


Luiz Henrique Cocuzzi da Equipe Lar recebendo a bandeirada de Campeão Brasileiro


Luiz Henrique Cocuzzi e William Alex Muller - campeão e vice campeão na categoria juvenil masculino


Luiz Henrique Cocuzzi da Equipe do Lar e o Sr. José Luiz Vasconcellos, presidente da CBC

Importante apontar a idéia que surgiu em muitos de utilizar a cidade de Rezende com suas montanhas que a cercam e a região que a cerca como ponto para muitas outras provas de MTB, já que a pista ficou ótima e o local é um entroncamento entre o sul de Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro e de fácil acesso.


Pódio do Campeonato Amador feminino



Largada categoria Juvenil Masculino



"Mano"


Henrique Avancini


Rubens Donizetti


Edivando de Souza Cruz


Robson Ferreira


Pódio categoriaJuvenil Masculino


O Campeonato Brasileiro de Mountain Bike XCO distribuiu R$ 9.000,00 em prêmios, além dos títulos de Campeão Brasileiro de MTB XCO em 17 categorias oficiais. O evento foi realizado pela Fecierj - Federação de Ciclismo do Rio de Janeiro, supervisionado pela CBC - Confederação Brasileira de Ciclismo, e contou com o patrocínio da Prefeitura Municipal de Resende, Banco do Brasil, Proshock, ASW, Kona, Vzan, Plamer, Amazonas Bikes, CST Pneus, Academia Shape Way, Fundação Resende Esportes e do site BikeBros.com.br.


VEJAM OS ÁLBUNS DE FOTOS:

http://www.bikestv.com.br/albuns/Alb_064_A_destino/index.htm

http://www.bikestv.com.br/albuns/Alb_064_B_destino/index.htm

http://www.bikestv.com.br/albuns/Alb_064_C_destino/index.htm

http://www.bikestv.com.br/albuns/Alb_064_D_destino/index.htm

VEJAM O VÍDEO

http://www.bikestv.com.br/programas/2009_09_Camp_Bras_XC_2009.htm

Resultados e campeões brasileiros de MTB XCO de 2009:

Infanto Juvenil Feminino
1 -
Janaina Aparecida Leal (Lar Nossa Senhora Aparecida)

Infanto Juvenil Masculino
1 – Brunno Sampaio Rodrigues
2 – Frederico Ferreira Ceni
3 – Celso Figueira de Mello Filho

Juvenil Feminino
1 – Leticia Maria Antunes
2 – Priscila Luiza Costa

Juvenil Masculino
1 –
Luiz Henrique Cocuzzi (Lar Nossa Senhora Aparecida)
2 – William Alex Muller
3 – Leonardo Aureo Ribeiro Zoia
5 – Pedro Gontijo (Zyon / Tripp / Pedal)

Junior Feminino
1 – Ludmila Souza Lobo

Master 40 – 44
1 – Luis Lote
2 – Ricardo de Souza e Silva
3 – Fábio Carvalho Leopoldo

Master 45 – 49
1 – Dorivaldo Correa (Casa do Ciclista / Tia Sônia / Pedal)
2 – Paulo Roberto Correa
3 – Ricardo Aldo Machado

Master 50 – 54
1 – Tilermando de Fátima
2 – Adolfo José Mariano de Oliveira
3 – Geraldo Tadeu Pimenta

Master 55 – 59
1 – Pacifico Delai
2 – Niedson Pastor de Albuqerque
3 – Evilázio Wielewski

Veterano
1 - Valdemar Pedro

Elite Masculino
1 - Edivando de Souza Cruz (Astro / VZAN / Giro / Shimano)
2 - Thiago Aroeira (Terra Bike)
3 - Rubens Donizette (Merida /Cateye / TMP)
4 - Robson Ferreira (Amazonas / ASW / Kona)
5 - Ricardo Pscheidt (Sundown / Joinville)
6 - Odair Pereira (Scott / Pro Shock)
7 - Rosemberg Nunes Pinho (JC Ciclista de Brasília)
8 - Uirá de Castro (Zyon / Tripp / Pedal)
9 - Abraão de Azevedo (Sundown / Joinville)
10 - Geraldo Rodrigues

Elite Feminino
1 - Érika Gramiscelli (Circuit Racing / Prefeitura de Ribeirão Preto)
2 - Roberta Stopa (OCE / Specialized)
3 - Julyana Machado (Sundown / Joinville)
4 - Aline Lombello (Intertrilhas)
5 - Valéria Conceição (Unifev / Facchini)
6 - Glaidiany de Cássia (Zyon / Tripp / Pedal)

SUB23 masculino
1 - Henrique Avancini (ISD Cycling / Specialized)

SUB23 feminino
Luana Machado

Master 30 - 34
1 - Amarildo Ferreira (Amazonas / ASW / Kona)

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

VISITANTES ONLINE

site statistics

TOTAL DE VISITAS