CLUBE PARANAENSE DE CICLISMO DE MONTANHA

Ricardo Pscheidt e Érika Gramiscelli são os campeões brasileiros de cross country 2010


Frio e lama adicionam mais emoção na disputa pelo título nacional de XCO realizado neste domingo (18/07) em etapa única, em Campo Largo (PR)

19 de julho de 2010 - O título mais cobiçado da temporada de MTB já tem seus respectivos donos. Entre os profissionais, Ricardo Pscheidt e Érika Gramiscelli celebraram o TRI no Campeonato Brasileiro de Mountain Bike, modalidade cross country olímpico (XCO). O evento foi realizado em etapa única neste domingo - dia 18 de julho de 2010 - no Parque Cambí, na cidade de Campo Largo, próximo a Curitiba no Paraná, com a presença de 363 atletas oriundos de 14 Estados. O Paraná contou naturalmente com a maior delegação com 126 ciclistas, seguida pela delegação de Minas Gerais (69 competidores), com São Paulo e Santa Catarina empatados no número de 43 atletas.

No sábado enquanto os competidores treinavam, a temperatura beirava os 10ºC, no entanto, aliada com a garoa e vento, a sensação térmica era ainda mais baixa. Já no domingo, no dia da prova, o frio deu uma pequena trégua (15ºC) e a garoa que caiu no dia anterior não existia mais. Porém a pista já havia sido castigada durante três dias seguidos de chuvas. Isto é, lama para todos! Havia ainda quem falasse que com a chuva, o terreno iria ficar mais lavado e a lama não iria grudar tanto...

Na primeira largada da competição, destaque é para Abrãao Azevedo, de Brasília (DF) que conquistou seu segundo título nacional (Elite em 1997), agora na categoria Master 40/44 anos. Além de Márcio Ravelli que conquistou seu décimo primeiro campeonato brasileiro, com a vitória na categoria Master 34/39 anos. Ambos estão de olho no Mundial de MTB Master 2010 em setembro no Brasil.

Quando os competidores da categoria Elite alinharam para largada, a condição da pista ficou ainda pior, embora a maioria estivesse equipada com pneus mais apropriados para o enlameado terreno (Maxxis Medusa 1.75). Ou seja, com tais condições de pista, a organização foi obrigada a diminuir o número de voltas e a prova não tinha favoritos.


No masculino, logo no primeiro quilômetro de prova o catarinense Ricardo Pscheidt pulou para a ponta e aproveitou para escapar dos demais, pois o tráfego ficava cada vez pior nos single tracks. Pscheidt venceu de ponta a ponta, somando três títulos na carreira - 2006, 2008 e 2010. O ciclista Rubens Donizete, atual vice-campeão Latino e Pan-americano, bem que tentou, mas não alcançou o líder, ficando no segundo lugar. Destaque para ciclista natural de São Bento do Sul (SC), Gilberto Goes que mostrou que sabe andar na lama e terminou com o bronze. O bicampeão brasileiro de XCO em 2004 e 2009, Edivando Cruz terminou em quarto, seguido de Frederico de Carvalho Zacharias em 5º, completando o pódio.

Na categoria Elite Feminino Érika Gramiscelli sagrou-se tricampeã nacional de XCO (2004, 2009 e 2010), mas teve que batalhar muito contra a pista e adversárias para conquistar o título. Érika travou um duelo empolgante com Valéria Aparecida de Conceição, com ultrapassagens pela liderança durante as duas voltas. A supresa ficou com a 3ª colocada (e 1ª na categoria sub-23 feminino), Isabella Moreira Lacerda que terminou a prova com apenas 1min21s atrás da campeã. Na quarta colocação ficou Roberta Stopa, seguida da atual campeã carioca, Manuela Vilaseca em quinto lugar.

Nas categorias de acesso aos profissionais, os jovens ciclistas da Sub -23 demonstraram muito talento. Destaque para o mineiro Sherman Trezza de Paiva, atual campeão Pan-americano de MTB que confirmou o favoritismo para ficar com o título com quase 10 minutos de vantagem sobre o segundo colocado, Frederico Mariano (campeão brasileiro Junior em 2009). No pódio ainda foi formado por mais três ciclistas que subiram da categoria Junior para Sub-23 nesta temporada: Douglas Neto, Luis Henrique Visentainer e Miguel dos Santos, em 3º, 4º e 5º, respectivamente. Já o carioca Henrique Avancini, vice campeão Pan-amenricano de MTB, terminou na 6ª posição.
Na categoria de base, melhor para os juniores: Ana Paula Barbosa (Fem.) e Antony Gustavo da Silva que conquistaram os títulos da temporada 2010. No masculino, a disputa foi acirrada, com destaque para Leonardo Ribeiro Zoia (irmão do atleta profissional Daniel Carneiro) e Willian Alexi, que chegaram bem próximos do líder, na segunda e terceira colocações, respectivamente.

Os campeões Brasileiros de Mountain Bike 2010, modalidade cross country olímpico (XCO), nas categorias Elite, Sub-23 e Junior vestem a camisa de campeão até o próximo ano. O evento foi organizado pela Federação Paranaense de Ciclismo com supervisão da Confederação Brasileira de Ciclismo que conta com o patrocínio do Banco do Brasil - O Banco do Ciclismo Brasileiro.

Resultados completos no site da CBC (http://www.cbc.esp.br).

Conheça Todos os Campeões Brasileiros de MTB - Cross Country

1989 - Marcos Mazzaron e Renata Branco Ozório

1990 - Osvaldo José dos Santos e Renata Branco Ozório

1991 - Marcio Ravelli e Ana Cecília Guglielmi

1992 - Marcio Ravelli e Ana Cecília Guglielmi

1993 - Miguel Geovaninni e Ana Cecília Guglielmi

1994 - Erivan de Lima e Suzana Castro

1995 - Marcio Ravelli e Adriana Nascimento

1996 - Marcio Ravelli e Adriana Nascimento

1997 - Abraão Azevedo e Adriana Nascimento

1998 - Marcio Ravelli e Adriana Nascimento

1999 - Marcio Ravelli e Adriana Nascimento

2000 - Renato Seabra e Adriana Nascimento

2001 - Marcio Ravelli e Adriana Nascimento

2002 - Marcio Ravelli e Adriana Nascimento

2003 - Marcio Ravelli e Jaqueline Mourão

2004 - Edvando Souza Cruz e Érica Gramiscelli

2005 - Marcio Ravelli e Jaqueline Mourão

2006 - Ricardo Pscheidt e Jaqueline Mourão

2007 - Rubens Donizete e Adriana Nascimento

2008 - Ricardo Pscheidt e Jaqueline Mourão

2009 - Edvando Souza Cruz e Érica Gramiscelli

2010 - Ricardo Pscheidt e Érika Gramiscelli

Fonte: Mbikecom
Fotos: PPPress
Via: BikeAction

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

VISITANTES ONLINE

site statistics

TOTAL DE VISITAS